CAS: Maggi agradece apoio de países vizinhos após Operação Carne Fraca

Quarta-feira, 05/04/2017 às 00:00, Imprensa Blairo Maggi

O ministro Blairo Maggi (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) agradeceu a ministros da Argentina, do Uruguai e do Paraguai pelo apoio dado ao Brasil no momento em que o país enfrentava críticas após a deflagração da Operação Carne Fraca da Polícia Federal. Para o ministro, o apoio dos países vizinhos foi importante, pois confirmou a confiança e a parceria entre eles. A declaração foi feita durante a 33ª Reunião do Conselho Agropecuário do Sul (CAS), que acontece em Buenos Aires.

 

O CAS é formado pelos ministros da Agricultura da Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai e Uruguai. É um fórum de discussão e coordenação de ações e de políticas públicas criados desde 2003. A próxima reunião do conselho será no Brasil, nos dias 29 e 30 de agosto, na cidade de São Paulo, quando também será realizado o Salão Internacional da Avicultura (Siave), para discutir, entre outros temas, o bem estar animal.

 

A proposta brasileira é discutir na reunião de agosta do CAS uma ação conjunta dos países da região para prevenção da gripe aviária e também para o combate à resistência antimicrobiana. Na semana passada, foi realizado seminário, em Brasília, sobre esse assunto com a participação do Comissário da União Europeia para a Saúde e Segurança Alimentar, Vytenis Andriukaitis. “Não queremos colocar pessoas em risco pelo uso massivo de antibióticos”, alertou o ministro.

 

Na reunião desta terça-feira (3), na Argentina, Blairo Maggi pediu aos seus pares apoio à candidatura do brasileiro e servidor do Mapa, Guilherme Costa Júnior, à presidência do Codex Alimentarius, que acontecerá em julho. O Codex Alimentarius é reconhecido pela Organização Mundial do Comércio como órgão para a solução de disputas sobre segurança alimentar e proteção do consumidor